anuncie aqui 596-81
Notícias recentes
Morador tenta comprar moto pelas redes sociais e perde R$ 5 mil em Matupá

Morador tenta comprar moto pelas redes sociais e perde R$ 5 mil em Matupá

access_time12/07/2023 12:28

O homem, de 35 anos, que reside no bairro Alto dos Lagos, esteve na delegacia de Polícia Civil em Ma

Polícia Militar apreende 68 quilos de pasta base de cocaína e prende dupla em Confresa

Polícia Militar apreende 68 quilos de pasta base de cocaína e prende dupla em Confresa

access_time26/01/2024 10:55

Policiais militares de Confresa apreenderam 68 quilos de pasta base de cocaína, no início da noite d

123 Milhas entra com pedido de recuperação judicial

123 Milhas entra com pedido de recuperação judicial

access_time29/08/2023 13:09

A 123 Milhas entrou com pedido de recuperação judicial. A HotMilhas, empresa do mesmo grupo, e a Nov

Notícias com a tag: Ucrania

ONU denuncia deportação de crianças ucranianas

access_time05/04/2023 06:12

O Conselho de Direitos Humanos da Organização das Nações Unidas (ONU) exigiu nesta terça-feira, 4, que a Rússia permita a visita de organizações internacionais a crianças e outros civis “que foram deportados à força” da Ucrânia para territórios controlados por Moscou. A deportação forçada de crianças ucranianas vem sendo denunciada desde março. Aprovada hoje, a resolução pede à Rússia que “cesse a transferência forçada ilegal e a deportação de crianças, civis e outras pessoas protegidas dentro da Ucrânia ou da Federação Russa […], em particular crianças, incluindo aquelas sob custódia de instituições, desacompanhadas e separadas” de suas famílias. Na resolução é também pedido ao Kremlin que forneça “informações confiáveis e completas sobre o número e o paradeiro” dos civis, que garanta que estão sendo tratados “com dignidade” e que lhes sejam dadas condições para regressarem para casa “em segurança”. O texto aprovado também estende por um ano o mandato da Comissão da ONU responsável por investigar violações de direitos humanos cometidas na Ucrânia desde o início da invasão russa, em 24 de fevereiro de 2022. As autoridades ucranianas afirmam que 16.221 crianças foram deportadas para a Rússia até o fim de fevereiro, número que a Comissão da ONU não pôde verificar. O texto foi aprovado com 28 votos a favor, 17 abstenções e dois contra, China e Eritreia. O Tribunal Penal Internacional (TPI), com sede em Haia, anunciou em 17 de março que emitiu um mandado de prisão contra o presidente russo, Vladimir Putin, pelo crime de guerra de “deportação ilegal” de crianças ucranianas desde o início da ofensiva no país vizinho. A Organização das Nações Unidas para Educação, Ciência e Cultura (Unesco) avaliou que a destruição causada pela guerra na Ucrânia em patrimônios e no setor cultural do país soma US$ 2,6 bilhões (equivalentes a R$ 13,1 bilhões) até o momento.