Camara Peixoto
Notícias recentes
Presidente da Itália indica ex-diretor do FMI como premiê interino para formar governo

Presidente da Itália indica ex-diretor do FMI como premiê interino para formar governo

access_time28/05/2018 07:33

O presidente da Itália, Sergio Matterella, indicou o ex-diretor do Fundo Monetário Internacional Car

Adolescente de 15 anos diz à polícia que matou menina de 13 anos com golpe 'mata-leão' e tijolada

Adolescente de 15 anos diz à polícia que matou menina de 13 anos com golpe 'mata-leão' e tijolada

access_time04/04/2020 08:11

O adolescente de 15 anos, apreendido suspeito de matar Anna Luiza Nunes do Carmo de 13 anos, em Sorr

Definidos os semifinalistas da Taça Saudoso Edinho de Futebol de Peixoto

Definidos os semifinalistas da Taça Saudoso Edinho de Futebol de Peixoto

access_time03/12/2018 10:59

O domingo foi agitado no Estádio Morada do Ouro de Peixoto de Azevedo pelas quartas de finais do Cam

Notícias com a tag: cirurgiamt

Governo vai realizar 138 mil procedimentos em todo Estado

access_time16/07/2021 07:15

O Governo de Mato Grosso lançou, nesta quinta-feira (15.07), o programa Mais MT Cirurgias, que tem o objetivo de reduzir drasticamente a fila por procedimentos eletivos no estado. Com um investimento de aproximadamente R$ 105 milhões, será possível realizar 138 mil procedimentos. A primeira-dama Virginia Mendes acompanhou o lançamento do programa, ao lado do governador Mauro Mendes. “O Governo do Estado está implementando um alto nível de incentivo a parte do que já é pago com base na tabela do Sistema Único de Saúde [SUS], tendo em vista que ela está defasada desde 2002. Queríamos ter lançado esse programa em junho do ano passado mas entrou a pandemia. Nosso objetivo é zerar a atual fila de cirurgia represada de Mato Grosso, dos últimos 3 anos”, disse o governador.  Por meio do novo programa, serão disponibilizadas cirurgias, consultas e exames. “O programa era um anseio nosso, mas precisou ser adiado devido a pandemia. Agora com uma curva descendente dos casos de hospitalização estamos lançando o Mais MT Cirurgias para conseguirmos parceiros que já são grandes executores de procedimentos eletivos, tem prestadores de serviços com capacidade técnica ociosa e que estão à disposição para que possamos aplicar recurso nesse serviço através de um incentivo financiamento do Governo do Estado”, pontua o secretário Estadual de Saúde, Gilberto Figueiredo. Presente no lançamento do Programa, o presidente da Assembleia Legislativa de Mato Grosso (AL-MT), Max Russi, reforçou a importância do retorno dos procedimentos. “Nós recebemos muito cobrança na Assembleia e sei que o governador tinha esse desejo de retornar, mas o projeto precisou ser adiado. O governo do estado tem avançado em todas as áreas e esse recurso vai dar tranquilidade para uma mãe ou um filho que aguarda o procedimento em casa”, avaliou o deputado. O deputado federal, Neri Gueller, parabenizou a gestão estadual pelo aporte financeiro para dar agilidade no atendimento da demanda reprimida. “Eu tenho agido e atuado fortemente com o governador Mauro Mendes e o secretário Gilberto. Com isso, nós estamos conseguido avançar muito. Os R$120 milhões que consegui desde o início do mandato na Câmara Federal e trouxemos para Mato Grosso tem chegado no ponto e isso é muito importante para a população”, acrescentou o parlamentar. As cirurgias previstas contemplam as especialidades de Geniturinário, Aparelho Digestivo, Ortopedia, Cardiovascular, Neurocirurgia e Oftalmologia. Dentre os exames de alta complexidade, estão: Ressonância Magnética, Ultrassonografia com Dopper, Tomografia Computadorizada, Cintilografia, Eletroneuromiografia, Arteriografia, Cateterismo e Colangiopancreatofiaendoscópica. Acesso ao incentivo financeiro O aporte financeiro de R$ 105 milhões poderá ser acessado por qualquer estabelecimento de saúde, seja público ou privado, que se adeque às regras estabelecidas pela SES. Entre os requisitos para acessar o incentivo está o credenciamento do hospital junto ao Sistema Único de Saúde (SUS), a especificação do quantitativo de procedimentos eletivos a serem atendidos e o serviço a ser executado deve ser complementar às pactuações já existentes na unidade.  O repasse do valor será realizado pós-produção. A ação terá como base a tabela do SUS e os incentivos serão de acordo com a complexidade de cada procedimento. Para integrar o programa, também é fundamental a alimentação dos sistemas oficiais de faturamento do Ministério da Saúde.  Os municípios interessados no incentivo deverão acessar um link que será disponibilizado no site da SES. Após criação de login, a unidade deverá inserir sua proposta para análise e validação da Secretaria.  As propostas deverão ser apresentadas em até 60 dias pelas unidades de saúde, gestões municipais ou Consórcios Intermunicipais de Saúde. Nova história na Saúde O Presidente do Conselho de Secretarias Municipais de Saúde de Mato Grosso (Cosems-MT) e secretário de Saúde de Nova Ubiratã, Marco Antonio Norberto, acredita que está sendo construído uma nova história na saúde pública do Estado. “Mesmo numa pandemia a gestão estadual tem trabalho muito. Está notório o avanço que estamos tendo na saúde pública de Mato Grosso. Parabenizo a equipe da SES que se debruçou nesse trabalho por vários meses”, ressaltou Marco Antônio. Para o prefeito de Poxoréu, Nelson Antônio Paim, o programa vai resolver o problema da região sul do Estado, o qual ele faz parte. “Estávamos ansiosos por esse retorno das cirurgias, pois existem muitas pessoas que estavam aguardando na fila e o programa nos deixa feliz, principalmente por possibilitar a contratação com vários prestadores do serviço. Isso vai resolver o problema da região, vai dar encaminhamento às nossas demandas”, acredita o gestor. Também participaram do evento o secretário-chefe da Casa Civil, Mauro Carvalho, o secretário Controlador Geral, Emerson Hideki Hayashida, os deputados estaduais Sebastião Rezende, Nininho, Doutor Eugênio, Xuxu Dal Molin, além da suplente do Senado Federal, Margareth Buzetti, e representantes dos consórcios Municipais de Saúde e prefeitos.