Banner Outras
Notícias recentes
Homem é preso com 17,9 mil carteiras de cigarros em Cuiabá

Homem é preso com 17,9 mil carteiras de cigarros em Cuiabá

access_time14/05/2019 08:40

Policiais da Força Tática apreenderam nesse domingo (12) uma carga de 899 maços de cigarros, avaliad

Chile defende importância dos oceanos na COP25

Chile defende importância dos oceanos na COP25

access_time04/12/2019 10:22

A ministra do Meio Ambiente do Chile, Carolina Schmidt, pediu que os países utilizem o potencial dos

Câmara aprova texto-base da reforma da Previdência

Câmara aprova texto-base da reforma da Previdência

access_time11/07/2019 09:26

Depois de oito horas de debates, o plenário da Câmara dos Deputados aprovou, em primeiro turno, o te

Notícias com a tag: estupro

Padrasto suspeito de estupro de crianças é preso após polícia encontrar mensagens pedindo fotos nuas

access_time16/03/2020 13:11

Um homem foi preso acusado de abusar sexualmente de três crianças, em Juara, a 690 km de Cuiabá, na sexta-feira (13). A Polícia Civil do município recebeu uma denúncia sobre um menino de 7 anos e uma menina de 8 anos que sofriam maus tratos e abusos sexuais praticados pelo padrasto deles. De acordo com o boletim de ocorrência, a mãe das crianças tinha conhecimento dos abusos, porém não tomava providências contra o suspeito. Durante as investigações, a polícia identificou uma terceira vítima, filha de parentes das outras duas crianças. No 'tablet' de uma das crianças, os policiais encontraram mensagens do suspeito, aliançando e pedindo fotografias pornográficas da vítima. O homem foi preso na residência em que morava com duas das vítimas. Ele confessou o crime. Após ter a ordem de prisão cumprida, o preso foi encaminhado para Cadeia Pública de Juara. O depoimento das crianças deve acontecer nesta segunda-feira (16) em oitiva especial. O padrasto das vítimar deve responder pelos crimes de estupro de vulnerável e aliciar, assediar, instigar ou constranger criança.

Mãe de sargento da PM é estuprada e morta em terreno

access_time09/03/2020 08:38

A idosa Salvina Vidal, de 75 anos, foi estuprada e brutalmente assassinada na madrugada deste domingo (8) em Lucas do Rio Verde. A vítima é mãe do sargento da Polícia Militar Juarez Pereira Vidal, que disputou nas eleições de 2018 para deputado estadual. De acordo com a Polícia Civil, a idosa havia saído para fazer caminhada, como tinha costume todos os dias. As imagens do circuito de monitoramento da região mostram a mulher caminhando e logo atrás um homem em uma bicicleta seguindo-a. Ele é considerado o principal suspeito do crime. Ao retornar para a sua casa, a idosa foi obrigada a entrar em um terreno, onde foi estuprada e estrangulada até a morte. Luto Nas redes sociais, o sargento Vidal lamentou a morte da mãe e a forma como aconteceu a tragédia. “Que dia triste, no dia Internacional da mulher, minha mãe sai pra caminhar todos os dias na cidade onde mora, Lucas do Rio Verde MT, e nessa madrugada encontrou com o mau, com um cara ruim, com alguém que eu também quero me encontrar, a assassinou para roubar e estuprar, tomei conhecimento ao meio dia. Deus no comando sempre”, disse o militar. Até as 8 horas desta segunda-feira (9) a publicação já tinha mais de sete mil curtidas e dois mil comentários. Segundo o sargento, o corpo da mãe será trazido de Lucas para Cuiabá, onde será velada e enterrada.

Vizinho invade casa e tenta estuprar criança de 2 anos na Capital

access_time19/02/2020 16:56

Um homem foi preso na tarde desta quarta-feira (19) após tentar estuprar um criança de 2 anos no Bairro Alvorada, em Cuiabá. Segundo informações da Polícia Militar, a mãe da vítima saiu de casa para resolver algo no bairro e deixou a filha em casa. Quando retornou, instantes depois, a mulher foi surpreendida pelo vizinho, que havia invadido sua casa e estava silenciando a criança apertando um pano em sua boca. Ao flagrar a ação, o suspeito fugiu. No entanto, a mãe da vítima gritou por socorro e alertou a vizinhança. Então, um grupo de pessoas saiu correndo atrás no homem na tentativa de linchá-lo. A Polícia Militar foi acionada e, ao chegar no bairro, começou a fazer buscas com apoio do helicóptero do Centro Integrado de Operações Aéreas (Ciopaer). Momentos depois, os militares encontraram o suspeito em uma área de mata, onde ele foi preso pelos PMs. O homem estava ferido e foi encaminhado para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) da Morada do Ouro. Não sabe se o suspeito se feriu no mato ou se chegou a ser agredido por vizinhos. Após o atendimento, o suspeito deve ser encaminhado para a Central de Flagrantes, onde o boletim de ocorrência será registrado.

Amigo da família é preso suspeito de abusar sexualmente de criança em praça de Colíder

access_time29/10/2019 14:42

Um rapaz de 28 anos foi preso nessa segunda-feira (28) suspeito de abusar sexualmente de um menino de 4 anos, na praça central de Colíder. O suspeito é amigo da família, de acordo com o delegado da Polícia Civil, Ruy Guilherme Peral da Silva. "O que chama a atenção é o fato de que esse homem era amigo próximo da família, tinha um relacionamento próximo, inclusive com a criança", contou. Segundo ele, a família da criança estava em uma lanchonete quando o suspeito se afastou com a criança para a praça para cometer o crime. "As testemunhas perceberam que havia algo estranho com o suspeito e começaram a observá-lo. Em determinado momento, ele pegou a criança no colo e saiu correndo em direção a um ponto mais isolado da praça. As testemunhas viram que ele estava abusando da criança e chamaram a polícia", disse. A Polícia Militar prendeu o homem e o levou para delegacia. De acordo com a Polícia Civil, foram ouvidos as testemunhas, a mãe do menino e o suspeito. "Foi possível concluir que realmente há elementos, há indícios acerca da prática delitiva e dessa forma ele foi autuado por estupro de vulnerável, cuja pena varia de 8 a 15 anos de reclusão", contou o delegado.

PM prende suspeito de estuprar adolescente de 13 anos dentro de rio em Cáceres

access_time02/07/2018 08:32

Um homem de 43 anos foi preso pela Polícia Militar nesse sábado (30), em Cáceres, a 220 km de Cuiabá, suspeito de estuprar uma adolescente de 13 anos dentro do Rio Paraguai. Eles estavam acompanhados pela irmã da vítima, de 11 anos, que teria presenciado o crime. Segundo a polícia, no momento da abordagem, a adolescente estava nua e vestiu as roupas quando os policiais ordenaram a eles que saíssem do rio. Preso, o homem foi encaminhado para a Delegacia da Polícia Civil. O G1 não conseguiu localizar a defesa do suspeito. À polícia, a vítima confirmou que o suspeito havia tirado as roupas dela e estava passando a mão nas suas partes íntimas. Ela confirmou que o homem também a havia beijado. Segundo a PM, a mãe das vítimas compareceu à delegacia e afirmou à polícia que já havia sido registrado um boletim de ocorrência contra o suspeito no ano passado, na Delegacia da Mulher daquele município, pelo mesmo crime contra a filha dela, que à época tinha 12 anos. A polícia foi acionada por uma pessoa que passava pela Praia do Daveron, na região central do município, e avistou o suspeito acompanhado das duas meninas menores de idade, inclusive beijando uma delas na boca. Ao chegar ao local, os policiais encontraram o suspeito junto com as duas menores dentro do rio. Ao pedir para que ele saísse da água, ele teria ordenado à adolescente para que vestisse as roupas dela e o acompanhasse para fora do rio, mas que não falasse aos policias o que estavam fazendo. Os policiais relataram no boletim de ocorrência que precisaram insistir para que o suspeito obedecesse às ordens e saísse da água, mas que as duas irmãs se recusaram a atender ao pedido, momento em que os PMs perceberam que a vítima vestia a bermuda dela e entregava suas roupas íntimas para a irmã, que deixou cair dentro do rio. No caminho para a delegacia, foi acionado o Conselho Tutelar e, na presença de uma conselheira, a adolescente contou que o homem havia marcado o encontro com ela por celular e que eles constantemente trocavam mensagens. A irmã da vítima, de 11 anos, afirmou que já havia alertado a mãe de que o suspeito estaria tentando ficar com a irmã dela. A mãe, porém, não teria acreditado nela. Ela afirmou, ainda, que já havia presenciado o homem beijando a irmã dela, bem como o ato sexual.