anuncie aqui
Notícias recentes
Tigresa 'assassina' é morta na Índia

Tigresa 'assassina' é morta na Índia

access_time03/11/2018 15:03

Uma tigresa, que já matou mais de uma dezenas de pessoas nos últimos dois anos, foi abatida com um d

Piracema começa em MT e pesca é proibida

Piracema começa em MT e pesca é proibida

access_time02/10/2018 09:26

A piracema – período de reprodução dos peixes – começou nesta segunda-feira (1º) e a pesca nos rios

Primeiro transplante do Brasil completa 50 anos

Primeiro transplante do Brasil completa 50 anos

access_time25/05/2018 14:33

Há 50 anos, o lavrador de Mato Grosso João Boiadeiro, codinome de João Ferreira da Cunha, viu sua vi

Notícias com a tag: flamengo

Palmeiras tenta se aproximar do líder Flamengo antes da Copa

access_time13/06/2018 13:18

Palmeiras e Flamengo se enfrentam nesta quarta-feira, às 20h (de Mato Grosso), no Allianz Parque em partida que valerá muito mais do que os três pontos. Na última partida antes da pausa para a Copa do Mundo, o Verdão tenta deixar a distância para o líder em cinco pontos e poder manter a paz no clube antes do retorno do Brasileirão. Já o Rubro-Negro quer se distanciar de seu concorrente direto na provável despedida de Vinicius Júnior. “Todo jogo tem caráter decisivo. Se não tem o caráter, com certeza vocês (da imprensa) arranjam um. Contra o Flamengo é jogo para acabar na frente, queremos acabar o pré-Copa nas primeiras posições, porque vamos ter jogado 30% do campeonato e é importante estar ali na frente”, disse o técnico Roger Machado. O Verdão terá mudanças certas para o duelo. Os volantes Bruno Henrique e Felipe Melo, retornam após cumprirem suspensão diante do Ceará na última rodada. Além da dupla, o meia Moisés, que começou no banco contra o Vovô por conta do desgaste muscular, deve retornar ao time titular na vaga de Lucas Lima. O Maior Campeão do Brasil ainda tenta quebrar uma marca. Desde que o Brasileirão passou a ser disputado por pontos corridos, em 2003, aconteceram três Mundiais (2006, 2010 e 2014), que obrigaram a pausa do torneio nacional. E nas três ocasiões antes desse hiato, o Alviverde não conseguiu vencer. Pelo lado do Flamengo, uma ausência de peso: o meia Diego, que sentiu a panturrilha da perna esquerda na partida de domingo diante do Paraná, teve lesão constatada e não foi relacionado para a partida. Jean Lucas ou William Arão devem ganhar a vaga do camisa 10. Se não terá Diego, o técnico Maurício Barbieri contará com o retorno de Lucas Paquetá, que cumpriu suspensão diante do Paraná e volta à equipe. Livre de algumas lesões que o incomodaram nas últimas semanas, Juan deve ser relacionado, mas começando no banco. Léo Duarte e Thuler seguem no setor. “Fizemos uma certa gordura e isso é muito importante. Mas ainda não ganhamos nada. Temos de manter os pés no chão e continuar o trabalho. Temos bons números, mas eles não nos garantem o título e queremos ser campeões. É importante manter o empenho”, afirmou o técnico Maurício Barbieri. FICHA TÉCNICA PALMEIRAS x FLAMENGO Data: 13 de junho de 2018, sábado Horário: 21h (de Brasília) Local: Allianz Parque, em São Paulo Árbitro: Braulio da Silva Machado (SC) Assistentes: Kleber Lucio Gil e Neuza Ines Back (ambos de SC) PALMEIRAS: Jailson; Marcos Rocha, Edu Dracena, Luan (Thiago Martins) e Victor Luis; Felipe Melo, Bruno Henrique e Moisés; Hyoran, Dudu e Willian Técnico: Roger Machado FLAMENGO: Diego Alves, Rodinei, Thuler, Léo Duarte e Renê; Gustavo Cuéllar, Jean Lucas (William Arão), Lucas Paquetá e Everton Ribeiro; Vinícius Júnior e Henrique Dourado Técnico: Maurício Barbieri

Nove jogadores, 50 toques em 57 segundos: como Everton Ribeiro regeu o gol de Vizeu

access_time08/06/2018 10:49

Quatro vitórias consecutivas. Cinco pontos de vantagem na ponta do Campeonato Brasileiro. Seis jogadores da base em campo. Os 2 a 0 em cima do Fluminense trazem vários motivos para o torcedor do Flamengo comemorar. Mas há um a mais, que mostra a construção coletiva do time rubro-negro, no melhor momento da temporada. Os 57 segundos com a bola no pé até marcar o segundo gol e definir a vitória sobre o rival permitem análise detalhada do lance. Foram exatos 50 toques na bola, que trocou de pé nada menos que 16 vezes desde o desarme de Léo Duarte na área do Flamengo. Depois, a condução é do "maestro" Everton Ribeiro, que participa nada menos que cinco vezes do lance - a última na assistência para Felipe Vizeu. Toque a toque: - Léo Duarte - quatro toques (último é o passe) - Vinicius Junior - três toques (último é o passe) - Jean Lucas - dois toques (último é o passe) - Lucas Paquetá - dois toques (último é o passe) - Everton Ribeiro - três toques (último é o passe) - Rodinei - seis toques (último é o passe) - Everton Ribeiro - três toques (último é o passe) - Thuler - dois toques (último é o passe) - Léo Duarte - dois toques (último é o passe) - Renê - dois toques (último é o passe) - Vinicius Junior - seis toques (último é o passe) - Everton Ribeiro - dois toques (último é o passe) - Rodinei - três toques (último é o passe) - Everton Ribeiro - quatro toques (último é o passe) - Paquetá - um toque (passe de primeira) - Everton Ribeiro - três toques (último é o passe) - Vizeu - quatro toques (último é o chute a gol)

Flamengo vence Corinthians e abre quatro pontos na liderança do Brasileirão

access_time03/06/2018 17:59

LÍDER DE RESPEITO O Flamengo venceu o Corinthians por 1 a 0 na tarde deste domingo, no Maracanã, e disparou na liderança do Campeonato Brasileiro. O único gol do jogo foi marcado por Felipe Vizeu, aos 34 minutos do segundo tempo. Para manter os quatro pontos de vantagem para o segundo colocado ao fim da nona rodada, o Fla tem que torcer para o Fluminese não vencer o Paraná, na segunda-feira, em Curitiba. O Timão, que começou a rodada na terceira posição, saiu do G-6 – veja aqui a tabela. POLÊMICA NO FIM Passados 50 minutos do segundo tempo, o Corinthians bateu um escanteio na área do Flamengo. Depois de uma bate-rebate, Rodinei tentou afastar a bola. Neste momento, o árbitro gaúcho Anderson Daronco, que tinha dado cinco minutos de acréscimo, apitou o fim da partida. Só que a bola sobrou para Roger, com condições de finalizar contra Diego Alves. Enquanto os jogadores rubro-negros comemoravam a vitória, os alvinegros foram reclamar inutilmente com o juiz. ALTOS E BAIXOS Aos 22 do segundo tempo, Felipe Vizeu entrou no lugar de Henrique Dourado, que completou nove jogos sem gol, e garantiu a vitória do Fla depois de 12 minutos (veja abaixo). No Timão, Roger entrou ainda no primeiro tempo, mas passou em branco. No fim, até Kazim foi para a partida – ele não jogava desde 11 de março. CHEGA PRA LÁ! Aos 9 minutos do primeiro tempo, com o jogo parado por causa de uma falta, Jonas chutou a bola com força, que bateu em Maycon, caído no gramado. Gabriel não gostou e foi peitar o volante rubro-negro, que recebeu o cartão amarelo. SAI DA FRENTE! Aos 16 minutos do segundo tempo, Diego tentou passe para Paquetá, mas Anderson Daronco apareceu na frente da jogada. A bola bateu no árbitro, que, na sequência, marcou falta para o Corinthians e irritou os rubro-negros. PRIMEIRO TEMPO Nos primeiros 30 minutos quase só deu Flamengo. Atacado por todos os lados – Rodinei pela direita, Diego-Vinicius Junior pela esquerda e Paquetá pelo meio –, o Corinthians só fez segurar a pressão. A posse de bola rubro-negra bateu em 83%, mas, com muitos cruzamentos para a área, não virou gol. Foi justamente aos 30 que o Timão chegou com mais perigo, em chute de Jadson de fora da área, e o jogo mundou. O meia alvinegro sentiu a parte posterior da coxa direita e teve que sair. Roger passou a ocupar a área adversária, com Rodriguinho mais recuado, e as ações se equilibraram. SEGUNDO TEMPO A volta para a etapa final mostrou um panorama parecido: mesmo sem o ímpeto do início do jogo, o Flamengo jogava no campo de ataque. A questão era que a maioria das jogadas parava em Henrique Dourado. Aos 22 minutos, o centroavante deixou um cruzamento passar: foi a senha para a torcida rubro-negra se irritar de vez. Maurício Barbieri chamou Felipe Vizeu no mesmo instante e fez a troca no comando de ataque. Osmar Loss também tentou mudar, com Marquinhos Gabriel no lugar do Pedrinho, mas continuou pressionado. Aos 34 minutos, Walter fez grande defesa em chute de Paquetá, mas a bola sobrou para Vizeu abrir o placar.