anuncie aqui 596-81
Notícias recentes
Lula, Bolsonaro e Tarcísio de Freitas condenam atentado contra Donald Trump

Lula, Bolsonaro e Tarcísio de Freitas condenam atentado contra Donald Trump

access_time13/07/2024 22:01

Autoridades brasileiras se manifestaram após o ex-presidente Donald Trump ter sido alvo de um atenta

Corpo é localizado pelos bombeiros em rio no Nortão

Corpo é localizado pelos bombeiros em rio no Nortão

access_time26/07/2023 15:59

O corpo de Ezequiel Alexandre da Silva, de 35 anos, foi encontrado boiando às margens de uma ‘prainh

Indígena morre e outros 18 ficam feridos em acidente com L200 em MT

Indígena morre e outros 18 ficam feridos em acidente com L200 em MT

access_time26/12/2023 07:00

Um indígena identificado como Rafael Kamassuri Apiaká, morreu no domingo (24), após o veículo em que

Notícias com a tag: forcas-armadas

Zé Dirceu fala em rediscutir o papel das Forças Armadas

access_time26/01/2023 07:06

Voltou a circular nas redes sociais um vídeo em que o ex-ministro Zé Dirceu propõe “rediscutir” o papel das Forças Armadas. Trata-se de uma entrevista dele ao site Opera Mundi, realizada um dia depois dos protestos de 8 de janeiro. Segundo o petista, os militares têm responsabilidade pelo que ocorreu nas manifestações. Os atos registraram cenas de vandalismo, depois de invasões do Palácio do Planalto, Congresso Nacional e Supremo Tribunal Federal. “É um péssimo sinal e um aviso claro de que haverá uma longa luta nesses quatro anos”, afirmou Zé Dirceu. “Todos os meses, eles vão tentar desestabilizar, inviabilizar e derrubar o governo. Quero repetir: há, no mínimo, omissão, senão anuência, porque não é possível que as Forças Armadas, o Batalhão da Guarda Presidencial e o Comando Militar do Planalto, e as PMs e as polícias legislativas não reagissem a isso, não impedissem isso.” Na sequência, Zé Dirceu defendeu reestruturar as Forças Armadas e recomendou a elas “voltar para os quartéis”. O ex-ministro de Lula criticou ainda a presença de militares em órgãos do governo, citando em especial a Agência Brasileira de Inteligência e o Gabinete de Segurança Institucional. “No momento, eu acredito que a tarefa imediata é rediscutir o papel da Defesa Nacional, o papel do Brasil no mundo, o papel das Forças Armadas frente à nova realidade internacional e que eles voltem aos quartéis, saiam das estruturas de governo”, disse.