anuncie aqui vermelho
Notícias recentes
Marido é detido por agredir a mulher e PM acha 11 armas escondidas em guarda-roupas no apartamento do casal

Marido é detido por agredir a mulher e PM acha 11 armas escondidas em guarda-roupas no apartamento do casal

access_time13/11/2018 08:08

Um homem foi detido na madrugada desta terça-feira (13) depois de agredir e ser agredido pela mulher

TJ mantém verba indenizatória de R$ 6 mil para delegados da PC de MT

TJ mantém verba indenizatória de R$ 6 mil para delegados da PC de MT

access_time10/05/2021 07:28

A 2ª Câmara de Direito Público e Coletivo do Tribunal de Justiça (TJMT) manteve o pagamento de verba

Jovem é condenado a 16 anos de prisão por matar ex-namorada a facadas por ciúme

Jovem é condenado a 16 anos de prisão por matar ex-namorada a facadas por ciúme

access_time08/09/2018 08:27

O jovem Luís Henrique de Aquino de Deus, de 20 anos, foi condenado a 16 anos de prisão em regime fec

Notícias com a tag: sao-paulo

Zé Neto é acusado de homofobia nas redes sociais

access_time07/06/2021 08:30

A dupla Zé Neto e Cristiano fez uma live sábado (05/06), transmitida em seu canal no YouTube. Com banda completa e participações especiais, os artistas fizeram uma aposta e quem perdesse deveria colocar o uniforme do time do ganhador. Zé Neto, torcedor do Palmeiras, perdeu e cumpriu com a promessa, vestindo uma camiseta do São Paulo. Depois da troca de roupa, o sertanejo simulou um comportamento supostamente afeminado, andou rebolando e deu pequenos pulos insinuando que, ao vestir o uniforme do time, teria trocado de sexualidade. Historicamente, o time do São Paulo é alvo de ofensas homofóbicas vindas de torcedores rivais. Repercussão nas redes sociais Nas redes sociais, a atitude do cantor repercutiu de forma negativa. No Twitter, apontaram o erro do artista, ressaltaram a luta contra LGBTQfobia no futebol e pediram um posicionamento das marcas patrocinadoras do evento. "Cansada de ver gente fazendo piada homofóbica com quem torce para o São Paulo, o que o Zé neto fez foi TÃO desnecessário e n sei como tem gente que vê graça ainda nessas situações", postou uma mulher.

São Paulo e Palmeiras voltam a se enfrentar numa final depois de 29 anos

access_time17/05/2021 07:10

Será a nona decisão no Estadual entre os rivais. O clube da Água Branca venceu cinco vezes e o do Morumbi, três. A primeira partida será no Allianz. E a segunda, no Morumbi. O São Paulo não perde já há 14 partidas. O time de Hernán Crespo não tomou conhecimento da modernidade do Mirassol. Com muita intensidade, gana, ótima distribuição tática e personalidade venceu por 4 a 0, hoje, no Morumbi. Chegou a decisão mesmo com Daniel Alves se recuperando de lesão muscular na coxa direita e poupando Luciano, que só entrou no meio do segundo tempo. Os dois devem estar desde o início dos jogos contra o rival palmeirense, para tentar acabar com o jejum de nove anos sem títulos. Benítez foi outra vez o melhor jogador em campo. O argentino mesmo marcado, conseguiu ditar o ritmo veloz, ofensivo, objetivo. Mas foi nas bolas paradas que ele decidiu. Em dois escanteios, ele descobriu companheiros livres na área interiorana. Na primeira, aos 44 minutos de jogo, ele encobriu Muralha, que saiu muito mal do gol. E Arboleda completou de ombro para o fundo do gol. No terceiro gol, Benítez descobriu Miranda, que desviou a bola para Sara completar para as redes. Mais uma jogada ensaiada de Crespo. O segundo gol do São Paulo deveria ser contra. Pablo, livre na grande área, errou o chute. Ele iria para longe. Mas o zagueiro Boza desviou e a bola entrou. Luiz Flávio de Oliveira 'deu' o gol para Pablo. No quarto gol, Benítez deu excelente toque para Igor Vinicius livre dentro da área. Ele cruzou e Luciano marcou. A partida acabou sendo muito mais fácil que muitos críticos acreditavam. Não foi por conta do São Paulo. O time não deu a menor chance ao Mirassol. Benítez dominou as intermediárias. Miranda foi bem demais na zaga. Gabriel Sara flutuando na frente conseguiu se encontrar no ataque são paulino. A mobilidade do time não deixa dúvida. O preparo físico do São Paulo é um dos melhores do país.  A decisão do Paulista está em ótimas mãos. Os times de Crespo e Abel Ferreira são os melhores. As partidas serão imprevisíveis...

Polícia apreende Ferrari e outros carros de luxo em ação contra fraudes bancárias

access_time10/10/2018 10:10

Policiais civis apreenderam na manhã desta quarta-feira (10) uma Ferrari e outros carros de luxo em uma operação contra fraudes bancárias em São Paulo. Pelo menos um suspeito de integrar a quadrilha foi preso. Os criminosos conseguiram um programa de computador que invadia contas bancárias e desviava o dinheiro para contas fantasmas e de laranjas. Segundo o delegado José Mariano de Araújo Filho, que coordena os trabalhos, o esquema pode ter arrecadado R$ 400 milhões em 18 meses. De acordo com agentes do Departamento Estadual de Investigações Criminais (Deic), da Polícia Civil, o alvo da ação são três principais operadores de fraudes contra clientes de estabelecimentos bancários e de crédito. Segundo a investigação, foram criadas cinco empresas para movimentar o dinheiro obtido no esquema. Os escritórios ocupam o último andar de uma das torres de um importante centro empresarial no Itaim Bibi, bairro nobre da Zona Sul. Os oito mandados de busca e apreensão têm como alvos carros que valem mais de R$ 1 milhão, como Ferraris, Lamborghinis, Audis, Porsches, Maseratis, além de joias de grifes internacionais, entre elas coroas, e computadores utilizados nas transações. São cumpridos mandados de prisões na Zona Sul da capital, na Praia Grande, no litoral e na cidade de Francisco Morato, na Grande São Paulo. Em uma residência os policiais encontraram uma mala com maços de notas de R$ 100. Armas de airsoft também foram apreendidas. Intitulada Ostentação, a operação é encabeçada pelo Deic, com apoio de promotores do Núcleo de Investigações de Crimes Cibernéticos (Cyber Gaeco) do Ministério Público. Pelo menos 40 policiais civis, inclusive equipes táticas, participam da operação. Maços de dinheiro apreendido durante Operação Sustentação, em SP — Foto: Divulgação/Deic   Coroas apreendidas na Operação Ostentação, do Deic, em SP — Foto: Divulgação/Deic   Armas de airsoft apreendidos em operação do Deic em São Paulo — Foto: Divulgação/Deic   Grupo é preso em operação do DEIC — Foto: Reprodução/TV Globo   Grupo é preso em Operação Ostentação — Foto: Reprodução/TV Globo

São Paulo pode superar sequência invicta que não vem desde 1996; veja jogos da 8ª rodada

access_time30/05/2018 10:47

Quarto colocado com 13 pontos, um a menos que o líder Flamengo, o São Paulo vem tendo um início de Campeonato Brasileiro muito positivo. O Tricolor é o único time invicto na competição, com quatro empates e três vitórias nos sete primeiros jogos, e caso não perca para o Botafogo na próxima quarta-feira, no Morumbi, pode bater uma marca histórica que já dura 22 anos. A última vez que o São Paulo conseguiu ficar invicto nas sete primeiras rodadas do Campeonato Brasileiro foi em 1996, edição que teve o Grêmio como vencedor. Naquela temporada, nos sete primeiros jogos, a equipe paulista embalou cinco vitórias (4 a 1 contra o Flamengo, 2 a 1 contra a Portuguesa, 5 a 2 contra o Bahia, 2 a 1 contra o Santos e 1 a 0 contra o Goiás), e dois empates (1 a 1 diante de Botafogo e Fluminense). A primeira derrota veio apenas na oitava rodada, por 1 a 0, em casa, contra o Guarani. Naquela oportunidade, Carlos Alberto Parreira levou a campo Zetti; Bordon, Edmílson (Aristizábal) e Capone; Cláudio (Belletti), Axel, Denilson, Adriano (Fábio Mello) e Serginho; Valdir e Muller. O gol da vitória do Bugre foi marcado por Aílton, aos 27 minutos do primeiro tempo, e a equipe de campinas ainda teve o lateral Marcinho Rocha expulso. Com isso, em caso de vitória ou empate no jogo da próxima quarta-feira, o Tricolor chega a uma sequência inicial de oito jogos sem perder, e estabelece uma nova marca. A diferença, contudo, é que na atual temporada, o aproveitamento é inferior. Há 22 anos, o clube fez 17 pontos em sete jogos, e nesta temporada, em oito jogos, a equipe comandada por Diego Aguirre só chegará a no máximo 16 pontos. Se o time do Morumbi de fato chegar ao oitavo jogo invicto, o torcedor, de forma mais otimista, pode torcer por uma campanha tão boa quando a do Brasileirão de 1986. Na oportunidade, o São Paulo conseguiu a façanha de 16 jogos sem ser derrotado na arrancada inicial, e acabou sendo o vencedor daquela edição.   clique na imagem abaixo e confira todos os jogos da 8ª rodada