anuncie aqui
Notícias recentes
Casamento real: por que Meghan Markle não vai ser chamada de princesa após casamento com Harry

Casamento real: por que Meghan Markle não vai ser chamada de princesa após casamento com Harry

access_time12/05/2018 10:02

Após se casar com o príncipe Harry, no próximo final de semana, a atriz americana Meghan Markle prov

Madeireira é multada em R$ 780 mil durante operação do Ibama por fraude em sistema

Madeireira é multada em R$ 780 mil durante operação do Ibama por fraude em sistema

access_time20/09/2018 08:39

Uma madeireira em Sinop, a 503 km de Cuiabá, foi multada em R$ 780 mil por fraude no sistema de cont

MT tem a 5ª maior taxa de fecundidade do país, diz levantamento do IBGE

MT tem a 5ª maior taxa de fecundidade do país, diz levantamento do IBGE

access_time03/09/2018 07:08

Mato Grosso tem a 5ª maior taxa de fecundidade do país em 2018, segundo um levantamento do Instituto

Notícias com a tag: soja

Produtores rurais investem em arrendamento de terras para aumentar produção de soja

access_time19/11/2018 09:24

Os produtores rurais de Mato Grosso aumentaram a procura de arrendamento de terras no norte do estado para reduzir custos e aumentar a produção de soja. Segundo a Associação dos Produtores de Soja e Milho de Mato Grosso (Aprosoja), os proprietários das terras disponibilizadas para arrendamento são pequenos produtores, que recebem entre quatro a dez sacas do grão por hectare. O arrendamento é uma forma de ampliar as áreas de cultivo nas lavouras. O produtor rural, Gilberto Baldissera, que tem uma fazenda em Sinop, a 503 km de Cuiabá, cultiva 1,5 mil hectares de soja. Com o arrendamento, são 300 hectares a mais do que na safra anterior. O cultivo foi ampliado devido ao arrendamento de terra, que fica ao lado da propriedade dele. “A gente fazia o plantio de milho também, e apareceu essa área do lado, e com o maquinário que temos conseguimos utilizar a área”, disse. O pagamento do arrendamento é feito com o grão produzido. A cada safra dez sacos do grão são entregues ao dono da propriedade por hectare colhido. De acordo com o corretor de imóveis agrícolas Elexandro dos Reis Silva, a procura dos produtores rurais tem sido maior do que o número de áreas disponíveis para arrendamento. “A procura aumentou de 10% a 20%, e o estado está expandindo na produção de grãos e o cultivo de lavoura tem aumentado bastante”, avaliou. Segundo o representante da Aprosoja, Adelmo Zuanazzi, os proprietários das terras disponibilizadas para arrendamento são pequenos produtores. Ele explicou que um dos motivos para o arrendamento de terras ser realizado é o alto custo de produção para os pequenos produtores. “A área de gestão da propriedade, quando você contrata um agrônomo ou um advogado para cuidar dos seus negócios, ele pode assessorar alguém com mil hectares como dez mil com o mesmo custo. Isso acaba onerando o pequeno e o médio produtor”, avaliou.