Banner Outras
Notícias recentes
‘Quem define gênero é a natureza’, diz futuro ministro da Educação

‘Quem define gênero é a natureza’, diz futuro ministro da Educação

access_time27/11/2018 07:35

O futuro ministro de Educação do governo de Jair Bolsonaro (PSL), Ricardo Vélez Rodríguez, disse que

STF absolve Gleisi e Paulo Bernardo de corrupção e lavagem

STF absolve Gleisi e Paulo Bernardo de corrupção e lavagem

access_time20/06/2018 08:06

A Segunda Turma do Supremo Tribunal Federal (STF) decidiu hoje (19) pela absolvição da senadora Glei

Segunda Turma do STF confirma para a próxima terça-feira julgamento de pedido de liberdade de Lula

Segunda Turma do STF confirma para a próxima terça-feira julgamento de pedido de liberdade de Lula

access_time19/06/2018 18:42

O presidente da Segunda Turma do Supremo Tribunal Federal (STF), ministro Ricardo Lewandowski, confi

Notícias com a tag: trafico-de-drogas

Presos por tráfico de drogas ocupam mais da metade das vagas do sistema prisional

access_time09/03/2020 15:51

De um total de 13.058 presos em Mato Grosso entre janeiro e junho de 2019, 455 foram para a prisão por tráfico de drogas, o equivalente a 51,88%. Os dados foram divulgados pelo Departamento Nacional Penitenciário (DNP). Em segundo lugar, 202 pessoas estiveram presas no período por homicídio, sendo 107 por homicídio simples (12,2%) e 95 por qualificado (10,83%). Outros 123 presos foram acusados de roubo, dos quais 41 por roubo simples (8,25%) e 82 por roubo qualificado (16,5%). Em quarto lugar estão os que foram presos por estupro, com 53 pessoas, e outras 41 por estupro de vulnerável. Por fim, o DNP traz o número de presos por associação para o tráfico, 88 (10,03%); latrocínio, 33 (3,76%); violência doméstica, 20 (4,02%); lesão corporal: 13 (2,62%); quadrilha ou bando, 11 (2,21%), tráfico internacional de drogas: 7 (0,8%); sequestro e cárcere privado, 6 (1,21%); e posse ou porte ilegal de arma de fogo, 3 (0,34%). Do total de 13.058 presos entre janeiro e junho do ano passado, 6.541, o equivalente a 50,09% estavam em regime fechado, enquanto 6.256 estavam presos provisoriamente. No regime semiaberto foram contabilizados 210 presos (1,61%), seguidos de 29 no regime aberto (0,22%). O balanço também cita que 12.471 (95,5%) presos são homens e 587 (4,5%) mulheres. Mato Grosso tinha 9.519 vagas no sistema prisional entre janeiro e junho do ano passado, das quais 8.970 (94,23%) disponibilizadas para homens e 549 (5,77%) para mulheres.