anuncie aqui 596-81
Notícias recentes
Polícia Militar desarticula quadrilha e recupera carreta roubada

Polícia Militar desarticula quadrilha e recupera carreta roubada

access_time27/01/2024 12:05

Dois homens e uma mulher foram presos em flagrante pela Polícia Militar por sequestro, cárcere priva

Homem bêbado agride esposa com socos em Matupá

Homem bêbado agride esposa com socos em Matupá

access_time06/01/2023 05:37

A mulher, de 44 anos, que reside no bairro Cidade Alta, declarou aos investigadores da Polícia Civil

STJ decide a favor do governo em ação que pode render R$ 90 bi

STJ decide a favor do governo em ação que pode render R$ 90 bi

access_time27/04/2023 07:31

O Superior Tribunal de Justiça (STJ) decidiu, por unanimidade, que empresas não podem continuar abat

Em Guarantã do Norte rapaz vem a óbito em confronto com uma equipe da Força Tática

Em Guarantã do Norte rapaz vem a óbito em confronto com uma equipe da Força Tática

access_time12/11/2023 14:25

Na noite de sábado (11/11), por volta das 20h30 uma equipe da Força Tática de Guarantã do Norte/MT, recebeu a informação, da Agência Regional de Inteligência de que um indivíduo, fugitivo da Cadeia de Peixoto de Azevedo, se encontrava em uma residência, na comunidade Aliança.

Ao chegarem ao local a equipe fez o cerco na casa, quando o procurado da justiça, Geovane de Souza Santos, vulgo Morcego, avistou os policiais o mesmo adentrou a residência e pulou uma janela, empunhando uma arma de fogo, tentando empreender fuga. Foi dado ordem para que o individuo soltasse a arma, nesse momento ele apontou a arma em direção aos policias, sendo necessário fazer um disparo na direção do suspeito.

O meliante mesmo baleado tentou voltar para dentro da casa e novamente recebeu ordem de largar a arma o que não foi acatado e ainda tentou mais uma vez contra os policiais, sendo necessário mais um disparo. Geovane foi socorrido até o hospital municipal, mas devido aos ferimentos veio a óbito.

Com “Morcego”, os policiais encontraram uma porção de droga, além da arma de fogo, sendo uma garrucha com três cartuchos, sendo dois intactos e outro deflagrado.

O suspeito, mesmo com 21 anos já tinha um vasto histórico no mundo do crime, era tido como de alta perigosidade, era um dos últimos foragidos da cadeia de Peixoto de Azevedo.

Geovane de Souza Santos, vulgo Morcego




Por: Célio Ribeiro/Roteiro Notícias

Outras notícias

Comentários