anuncie aqui 596-81
Notícias recentes
Suspeitos são detidos por passar dinheiro falso em comércio e uso ilícito de drogas em Colíder

Suspeitos são detidos por passar dinheiro falso em comércio e uso ilícito de drogas em Colíder

access_time27/03/2024 11:02

Na terça-feira (26), a Polícia Militar conduziu três pessoas suspeitas de passar moeda falsa em um e

Saúde discute plano de enfrentamento da dengue

Saúde discute plano de enfrentamento da dengue

access_time15/05/2024 09:43

Técnicos do Ministério da Saúde discutem esta semana estratégias de preparação e resposta para a pró

Aumento no preço das passagens aéreas puxa prévia da inflação para 0,21% em outubro

Aumento no preço das passagens aéreas puxa prévia da inflação para 0,21% em outubro

access_time26/10/2023 09:46

O Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo 15 (IPCA-15), divulgado nesta quinta-feira, 26, pelo

‘Eu não fraudaria as eleições para Lula ganhar e nem sairia tão barato’, diz Zambelli
Zambelli diz que contratou hacker para serviços em seu site (foto: Reprodução/Jovem Pan News)

‘Eu não fraudaria as eleições para Lula ganhar e nem sairia tão barato’, diz Zambelli

Parlamentar confirmou que levou Delgatti ao encontro do ex-presidente Jair Bolsonaro

access_time02/08/2023 12:06

A deputada federal Carla Zambelli (PL-SP) disse, em entrevista coletiva nesta quarta-feira, 2, que os pagamentos feitos ao “hacker da Vaza Jato”, Walter Delgatti Neto, correspondem a remuneração por atividades de comunicação social, como manutenção de redes sociais e site institucional, pelas quais ele teria recebido R$ 13,5 mil. A parlamentar e o hacker são suspeitos de ação contra o sistema eletrônico do Poder Judiciário. “Eu não fraudaria as eleições para o Lula ganhar e nem sairia tão barato assim”, alegou Zambelli. O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Alexandre de Moraes determinou a apreensão de armas, passaporte, celulares e outros bens da deputada federal na manhã desta quarta-feira. Delgatti foi preso. “O que eu tinha subcontratado eram melhorias no site, questão de firewall e ligar minhas redes sociais ao site. Ele não conseguiu realizar essa tarefa”, disse. Para a deputada, as acusações seriam mais uma tentativa de envolver o ex-presidente Jair Bolsonaro (PL) num “plano golpista”. Ela confirmou que levou o hacker para um encontro com Bolsonaro, que o teria questionado sobre a segurança das urnas eletrônicas. Delgatti teria respondido que o sistema de urnas não é seguro.

“O ministro Alexandre de Moraes, relator, nos termos dos artigos 240 a 250 do Código de Processo Penal e da decisão proferida nos autos em epígrafe, manda o Departamento de Polícia Federal – DPF proceder à busca e apreensão de armas, munições, computadores, tablets, celulares e outros dispositivos eletrônicos, passaporte, bem como de quaisquer outros materiais relacionados aos fatos investigados”, escreve o mandado contra Zambelli.





Por: Jovem Pan

Outras notícias

Comentários