anuncie aqui 596-81
Notícias recentes
Acusado de agressão sexual, Daniel Alves é transferido para outra prisão

Acusado de agressão sexual, Daniel Alves é transferido para outra prisão

access_time23/01/2023 11:29

O lateral Daniel Alves foi transferido para uma outra unidade prisional na Espanha. O jogador está d

Prefeito de Diamantino é alvo de operação do Naco após denúncia de empresário

Prefeito de Diamantino é alvo de operação do Naco após denúncia de empresário

access_time15/08/2023 09:39

O prefeito de Diamantino, Manoel Loureiro Neto, é alvo da Operação Avaritia, nesta terça-feira (15),

Advogada

Advogada "da família" convenceu esposa de Baiano Filho a desistir de denúncia; Nem fez exame de corpo de delito

access_time30/08/2023 16:40

O delegado titular da Delegacia da Polícia Civil de Confresa, Victor Oliveira, afirmou nesta quarta-

Notícias com a tag: sinuca

Defesa diz que assassino que matou 7 pessoas com tiros de 12 vai se entregar à polícia

access_time23/02/2023 06:37

A defesa de Edgar Ricardo de Oliveira, 30 anos, afirmou que o bandido irá se entregar à polícia nesta quinta-feira (23). Seu comparsa, Ezequias Souza Ribeiro, 27 anos, morreu em confronto com policiais do Batalhão de Operações Policiais Especiais (Bope) nesta quarta-feira (22). Edgar é o bandido que aparece com a espingarda calibre 12, matando sete pessoas a tiros. A reportagem, o advogado Marcos Vinicius Borges, que representa Edgar, disse que ele vai se entregar amanhã cedo na delegacia da cidade. Edgar e Ezequias são autores da chacina que vitimou sete pessoas nessa terça-feira (21), no Bruno Snooker Bar, em Sinop. Edgar aparece nas imagens de câmera de segurança empunhando uma espingarda calibre 12. Seu comparsa, Ezequias, que usava uma pistola e estava de camiseta azul. Ele morreu em confronto com o Bope. Segundo apurado pela reportagem, Edgar e Ezequias estavam jogando sinuca no bar desde a parte da manhã e perderam R$ 4 mil. Eles foram para casa e voltaram pela tarde e novamente perderam. O desentendimento começou quando as vítimas passaram a rir dos homicidas. Revoltados, os dois foram embora e depois voltaram armados e começaram a realizar os disparos contra as pessoas no bar. Orisberto Pereira Souza, de 38 anos; Adriano Balbinote, de 46 anos; Josué Ramos Tenório, de 48 anos; Maciel Bruno de Andrade Costa, de 35 anos; Getúlio Rodrigues Frazão, de 36 anos e sua filha, L.F.A., 12 anos morreram ainda no local. Elizeu Santos da Silva, 47 anos, chegou a ser socorrido em estado grave e encaminhado até o Hospital Regional de Sinop, mas não resistiu.