anuncie aqui 596-81
Notícias recentes
Dupla em moto invade residência e mata casal a tiros em Matupá

Dupla em moto invade residência e mata casal a tiros em Matupá

access_time17/10/2023 21:45

Dois jovens, identificados como Anna Kelly Carneiro de Farias, de 18 anos de idade, e Matheus Bueno

Mauro Cezar analisa quem é favorito no primeiro duelo entre Corinthians e São Paulo; confira

Mauro Cezar analisa quem é favorito no primeiro duelo entre Corinthians e São Paulo; confira

access_time25/07/2023 12:52

Corinthians e São Paulo começam a decidir uma vaga na final da Copa do Brasil nesta terça-feira, 25,

123 Milhas entra com pedido de recuperação judicial

123 Milhas entra com pedido de recuperação judicial

access_time29/08/2023 13:09

A 123 Milhas entrou com pedido de recuperação judicial. A HotMilhas, empresa do mesmo grupo, e a Nov

GERAL

Julho na Netflix: estreias de ‘Cobra Kai’, ‘Um Tira da Pesada 4’, ‘Pedaço de Mim’ e o fim de ‘Elite’

access_time02/07/2024 10:50

Enquanto os fãs de ação poderão conferir a volta de Eddie Murphy à franquia “Um Tira da Pesada”, assim como os primeiros episódios da temporada final de “Cobra Kai”, quem curte um bom drama, terá a chance de ver a nova produção nacional do streaming, “Pedaço de Mim”, com Juliana Paes e Vladimir Brichta. A seguir, confira 10 grandes lançamentos da Netflix para julho: Sprint – Os Mais Velozes do Mundo Destaque entre os novos documentários do streaming, Sprint acompanha o dia a dia de velocistas de elite, desde os treinamentos e o ambiente competitivo à cobertura midiática do esporte. Estreia: 2 de julho. Um Tira da Pesada 4: Axel Foley Eddie Murphy está de volta como o detetive Axel Foley em mais uma aventura da adorada franquia de ação. Além da volta de John Ashton e Judge Reinhold, o novo filme traz Joseph Gordon-Levitt no papel de um novo aliado do protagonista. Juntos, eles terão que desvendar uma grande conspiração, que ameaça até a filha de Foley. Estreia: 3 de julho. Pedaço de Mim Juliana Paes protagoniza a mais nova série nacional da Netflix, interpretando Liana, uma mulher que vê sua vida virar de ponta-cabeça ao descobrir uma gravidez. Mas detalhe: esta não é qualquer gravidez. Liana carrega gêmeos, filhos de homens diferentes. De repente, o que era um sonho vira um grande dilema, e ela precisará decidir o que fazer com tantos segredos. Estreia: 5 de julho. Vikings: Valhalla Ambientada sete anos após a temporada anterior, Vikings: Valhalla promete acompanhar dessa vez o desejo de Harald (Leo Suter) de ser rei, a busca de Leif (Sam Corlett) à Terra Dourada e as tentativas de Freydis (Frida Gustavsson) de garantir uma boa vida ao seu povo. Ou seja, um final épico para a série derivada de Vikings. Estreia: 11 de julho. Cobra Kai A despedida à Cobra Kai começa neste mês, com o lançamento dos primeiros cinco episódios da temporada final. Juntos, Johnny Lawrence (William Zabka) e Daniel LaRusso (Ralph Macchio) precisam treinar seus alunos para competir no Sekai Taikai, o torneio mundial de caratê. Mas nem os próprios senseis sabem os desafios que os esperam. Estreia: 18 de julho. Brincando com Fogo Queridinho dos fãs de reality show, Brincando com Fogo volta para a sexta temporada cheia de novidades: um novo prêmio, uma nova companhia para Lana e, claro, muitas novas reviravoltas aguardando os solteirões da vez. Estreia: primeiros episódios em 19 de julho e episódios finais em 26 de julho. Sweet Home A série sul-coreana de terror também chega ao final neste mês com sua terceira temporada. Novamente, não vão faltar dilemas humanos para os protagonistas diante deste mundo que dividem com monstros aterrorizantes – a ponto de desejos conflitantes darem o pontapé para uma luta desesperada. Estreia: 19 de julho. 20 Dias em Mariupol Vencedor do Oscar de Melhor Documentário em Longa-Metragem deste ano, 20 Dias em Mariupol acompanha os esforços de uma equipe de fotojornalistas que, cobrindo a invasão russa à Ucrânia, se vê presa em um cerco à cidade de Mariupol. A narrativa mescla o arquivo pessoal do diretor Mstyslav Chernov, bastante experiente na cobertura de zonas de guerra, e informes jornalísticos. Estreia: 20 de julho. Bastidores do Pop: O Esquema das Boy Bands Responsável por lançar as carreiras de grupos como Backstreet Boys e *NSYNC, Lou Pearlman poderia ser lembrado apenas por sua influência no pop dos anos 1990. No entanto, a história do magnata da música é um pouco mais complexa do que isso. Com imagens de arquivo inéditas, a série documental promete revelar os segredos de Pearlman, assim como duras verdades sobre a fama e a ganância. Estreia: 24 de julho. Elite Julho também marca o fim de Elite e, como já virou tradição na série espanhola, um novo mistério promete ameaçar velhas amizades e levar desafetos ao limite. Mas não seria Elite também sem a promessa de romances entre os alunos da famosa escola Las Encinas. Com a volta de Mina El Hammani como Nadia, Elite ainda conta com André Lamoglia e Omar Ayuso na sua oitava e última temporada. Estreia: 26 de julho. Publicado por Carolina Ferreira *Com informações do Estadão Conteúdo

Livros publicados com apoio do Governo de MT são lançados nesta semana em Cuiabá

access_time02/07/2024 08:54

Mais dois livros de autores mato-grossenses, publicados com recursos do Governo de Mato Grosso, serão lançados nesta semana, em Cuiabá. A obra ‘Se quer que algo tenha fim, não se cale’ será apresentada ao público nesta terça-feira (02.07), às 19h, no Museu da Imagem e do Som. O outro lançamento da semana é ‘Tempos Íntimos’, neste sábado (06.07), às 19h, no Espaço Cultural A Casa do Centro. As duas obras foram selecionadas na categoria publicação de livros adultos, do Edital Estevão de Mendonça de Incentivo à Literatura Mato-Grossense, da Secretaria de Estado de Cultura, Esporte e Lazer (Secel-MT). ‘Se quer que algo tenha fim, não se cale’, do cineasta e escritor Wuldson Marcelo, traz uma coletânea de 100 minicontos sobre a vida de pessoas pretas que vivem em Cuiabá. Segundo o autor, são histórias que falam sobre respeito à vida, cultura, desejos, medos, vivências em comum, racismo e o sofrimento decorrente do preconceito racial. A obra conta com ilustrações da artista Lua Brandão. “O livro é formado por 100 minicontos, que variam de uma linha a uma página, dividido em três partes. A obra deu vazão à minha obsessão pela narrativa curta e permitiu-me aprofundar a respeito de uma literatura que tem pessoas negras como protagonistas”, comenta o autor. Wuldson Marcelo é autor de outros livros, como ‘As luzes que atravessam o pomar e outros contos’, ‘Obscuro-shi – Contos e desencontros em qualquer cidade’ e ‘Subterfúgios Urbanos’. O multiartista também é mestre em Estudos de Cultura Contemporânea pela UFMT, roteirista, editor da revista Ruído Manifesto, um dos curadores da Mostra de Cinema Negro de Mato Grosso e integrante do Aquilombamento Audiovisual Quariterê. Aos 36 anos, a jornalista e escritora Larissa Campos lança sua segunda obra ‘Tempos Íntimos’, neste sábado (06.07), em Cuiabá. O livro reúne 24 contos criados durante o isolamento da pandemia de Covid-19, entre 2020 e 2022, e reflete sentimentos como medo e solidão. Cada conto traz uma releitura artística a partir da ilustração em aquarela da artista Dani Dias. “Como o título evidencia, intimidade é um tema que atravessa as narrativas e os personagens que fazem parte delas, num processo de criação totalmente impactado pelo período de isolamento da pandemia de Covid-19, embora não haja referência direta ao assunto. Desde a aprovação no edital, foram quase dois anos de dedicação para ver a obra viva, no mundo, nas mãos de quem realmente importa: os leitores”, destaca a escritora. O projeto ‘Tempos Íntimos’ inclui realização da oficina ‘Do rascunho ao texto’, que apresenta técnicas de escrita criativa para o público. Em junho, a autora realizou a atividade no Palácio da Instrução e em uma escola pública de Cuiabá, com o objetivo de despertar nos participantes o interesse pela literatura e pelos textos literários. “Converso sobre recursos literários, narrativos, construção da narrativa, mas, sobretudo, convido para que olhem de uma forma afetiva para as suas vidas, para que possam se inspirar nas vivências e nos sentimentos experimentados”. Durante a oficina, ela desmistifica a ideia de que é necessário projetos grandiosos para construir uma narrativa envolvente, e desafia os participantes a criar personagens dentro de narrativas em primeira e terceira pessoa. O exercício tem como objetivo mostrar a importância do exercício diário para o amadurecimento da escrita. Larissa também é autora de ‘A casa do posto’, livro de ficção inspirado em experiências vividas durante um período de quatro anos em que autora e a família moraram em um posto de combustível na Rodovia dos Imigrantes, em Cuiabá.Edital de Literatura O Edital Estevão de Mendonça de Mendonça de Incentivo à Literatura Mato-Grossense foi lançado em 2022 e contou com R$ 2 milhões distribuídos em 67 projetos de criação (incentivo a novos autores), publicação de livros e fomento à leitura (contação de histórias, formação de mediadores e de escritores). Em 2023, foi lançado o Edital Prêmio Literatura Mato Grosso dentro do leque de seleções públicas viabilizadas com recursos da Lei Paulo Gustavo. A edição conta com R$ 1 milhão de recursos para reimpressão ou reedição de 20 obras de autores mato-grossenses.ServiçoLançamento do livro ‘Se quer que algo tenha fim, não se cale’ - Wuldson Marcelo Data: 02 de julho, às 19h Local: Museu da Imagem e Som de Cuiabá (MISC) Entrada Gratuita Mais informações: @wuldson_marcelo Livro 'Se quer que algo tenha fim, não se cale’ - de Wuldson Marcelo Créditos: Sophia CardosoLançamento do livro ‘Tempos Íntimos’ – Larissa Campos Data: 6 de julho, às 19h Local: Espaço Cultural A Casa do Centro, na Praça da Mandioca, em Cuiabá Entrada gratuita Mais informações: @laricampos10  

Seciteci abre processo seletivo com mais de 1,2 mil vagas para cursos técnicos gratuitos

access_time11/06/2024 16:28

A Secretaria de Estado de Ciência, Tecnologia e Inovação (Seciteci) está com vagas abertas para o processo seletivo de cursos técnicos gratuitos de capacitação e qualificação profissional, com início no segundo semestre de 2024.   São 1.240 vagas distribuídas em 13 cidades para os cursos nas áreas de recursos naturais, ambiente e saúde, informação e comunicação, gestão e negócios, controle e processos industriais, infraestrutura, produção industrial, e de turismo, hospitalidade e lazer. Ao todo, são ofertados 17 cursos. O processo seletivo é oferecido em 13 polos de ensino: Cuiabá, Alta Floresta, Barra do Garças, Campo Verde, Cáceres, Cuiabá, Diamantino, Lucas do Rio Verde, Matupá, Primavera do Leste, Poxoréu, Rondonópolis, Sinop e de Tangará da Serra. Segundo o superintendente de Educação Profissional e Tecnológica da Seciteci, Ederson Andrade, a formação oferece o desenvolvimento profissional  necessário para aqueles que desejam ampliar as oportunidades de atuação no mercado de trabalho. “A realização de um curso técnico é uma oportunidade que os jovens e adultos têm de garantir melhores oportunidades de empregos e renda. Essa oportunidade se torna mais relevante quando pensamos que se trata de cursos técnicos gratuitos e de qualidade ofertados pela Seciteci”, explicou. As inscrições poderão ser realizadas até as 17h59 do dia 18 de junho, exclusivamente através de formulário online disponível. Para mais informações como requisitos e documentos necessários, clique AQUI e tenha acesso ao edital completo.

UFMT divulga edital de concurso público para 70 vagas técnico-administrativas

access_time11/06/2024 12:31

Foi publicado nesta segunda-feira (10) no Diário Oficial da União (DOU) o edital para a realização de concurso público na Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT) para 70 vagas imediatas nos Câmpus de Cuiabá e do Interior.  As inscrições devem ser realizadas pelo site oficial da universidade e têm início em 24 de junho até 15 de julho e a realização das provas acontece em 25 de agosto. De acordo com o edital publicado, o salário oferecido varia entre R$ 2.667,19 e R$ 4.556,92. É cobrada uma taxa de inscrição que varia também entre R$ 100,00 para os candidatos aos cargos de nível médio/médio técnico (Nível D), e de R$ 130,00 para os cargos de nível superior (Nível E). As vagas estão distribuídas entre 4 campus nas modalidades de ampla concorrência, PCD e pessoas pretas ou pardas. Confira a disposição de vagas: Classe D: 40 horas semanais Assistente em Administração (07 Vagas Ampla concorrência para Cuiabá; 02 Vagas Ampla concorrência para Sinop; 02 Vagas PcD Cuiabá; 04 Vagas PPP Cuiabá e 01 Vaga PPP para Sinop ) Técnico em Contabilidade (04 Vagas Ampla concorrência para Cuiabá; 01Vaga Ampla concorrência para Araguaia; 01 Vaga Ampla concorrência para Sinop; 01 vaga PcD para Cuiabá e 01 Vaga PPP para Cuiabá ) Técnico de Laboratório/ Área: Alimentos (01 Vaga Ampla concorrência para Cuiabá) Técnico de Laboratório/ Área: Biologia (01 Vaga Ampla concorrência para Araguaia e 01 Vaga Ampla concorrência para Sinop) Técnico de Laboratório/ Área: Física (01 Vaga Ampla concorrência para Cuiabá) Técnico de Laboratório/ Área: Floresta (01 Vaga Ampla concorrência para Cuiabá) Técnico de Tecnologia da Informação (01 Vaga Ampla concorrência para Cuiabá) Classe E: 40 horas semanais Administrador (02 Vagas Ampla concorrência para Cuiabá e 01 Vaga PPP para Cuiabá) Analista de Tecnologia da Informação (03 Vagas Ampla concorrência para Cuiabá e 01 Vaga PPP para Cuiabá) Arquivista (02 Vagas Ampla concorrência para Cuiabá e 01 Vaga PPP para Cuiabá) Contador Enfermeiro/Enfermagem do Trabalho (02 Vagas Ampla concorrência para Cuiabá) Engenheiro/Área: Segurança do Trabalho (02 Vagas Ampla concorrência para Cuiabá) Engenheiro/Área: Civil (01 Vaga Ampla concorrência para Cuiabá) Engenheiro/Área: Eletricista (01 Vaga Ampla concorrência para Sinop) Engenheiro/Área: Químico (01 Vaga Ampla concorrência para Cuiabá) Nutricionista - Habilitação (01 Vaga Ampla concorrência para Araguaia e 01 Vaga Ampla concorrência para Sinop) Técnico Desportivo (01 Vaga Ampla concorrência para Cuiabá e 01 Vaga Ampla concorrência para Araguaia) Técnico em Assuntos Educacionais (02 Vagas Ampla concorrência para Cuiabá; 02 Vagas Ampla concorrência para Araguaia; 03 Vagas Ampla concorrência para Sinop; 01 Vagas Ampla concorrência para Várzea Grande; 01 Vaga PcD para Araguaia; 01 Vaga PPP para Várzea Grande e 01Vaga PPP para Araguaia ) Classe E: 25h horas semanais Músico/Área: Violino (01 Vaga Ampla concorrência para Cuiabá) Classe E: 20h horas semanais Médico/Área: Psiquiatra (2 Vagas Ampla concorrência para Cuiabá) Médico/Área: Medicina do Trabalho (01 Vaga Ampla concorrência para Cuiabá) Médico Veterinário (01 Vaga Ampla concorrência para Sinop) Isenção da taxa de inscrição Segundo o edital, as solicitações de isenção da taxa de inscrição poderão ser feitas de 24 a 26 de junho, e são destinadas aos candidatos que pertençam a família inscrita no Cadastro Único para Programas Sociais (CadÚnico), do Governo Federal.

Inscrições para o processo seletivo de professores do Pronatec terminam nesta sexta-feira (24)

access_time22/05/2024 13:57

Termina nesta sexta-feira (24.05) o prazo de inscrições para cadastro reserva de professores bolsistas nos cursos de Formação Inicial e Continuada (FIC) e Curso Técnico do Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec), da Secretaria de Estado de Ciência, Tecnologia, Inovação (Seciteci). As inscrições são realizadas exclusivamente pela internet e o interessado deverá prestar, obrigatoriamente, as informações cadastrais e funcionais solicitadas.  Conforme o edital, há vagas para nível superior em Agronomia, Administração, Biologia, Engenharia Florestal, Medicina Veterinária, Gastronomia, Enfermagem, entre outros. A lista com as graduações necessárias estão disponíveis no anexo I do documento.  As vagas serão distribuídas nos municípios de Nossa Senhora do Livramento, Barão de Melgaço, Alta Floresta, Colniza, Apiacás, Carlinda, Diamantino, Poxoréu, Água Boa, Barra do Garças, Cuiabá, Lucas do Rio Verde, Primavera do Leste, Rondonópolis, Sinop e Tangará da Serra. Entre os requisitos, o candidato deverá possuir formação profissional comprovada mediante certificados ou diplomas expedidos por entidades reconhecidas pelo MEC e/ou experiência profissional comprovada por carteira de trabalho ou documentação emitida por instituição pública, municipal, estadual ou federal.  De acordo com o secretário adjunto de Educação Profissional e Ensino Superior da Seciteci, Dimorvan Brescancim, a formação possibilita novas oportunidades gratuitas de aprendizado, para que os profissionais se aperfeiçoem e contribuam para o desenvolvimento social e econômico do Estado. “O Pronatec é um sucesso desde o seu lançamento e Mato Grosso tem cumprido com suas metas de uma forma muito eficiente. Esses três programas vêm nessa pactuação da Seciteci com o MEC para oferecer mais de 1500 vagas destinadas à população mato-grossense. É importante que todo mundo participe para que a gente tenha bons professores para oferecer bons cursos à população”, pontuou. O Resultado Final do Processo Seletivo Simplificado terá homologação publicada no Diário Oficial do Estado de Mato Grosso. A previsão de início das aulas é a partir do mês de junho de 2024. Para mais informações, clique AQUI e acesse o edital. O programa O Programa Pronatec tem como objetivo principal estimular o empreendedorismo, promovendo a inclusão social de jovens e trabalhadores do campo por meio da ampliação da Rede Federal de Educação Profissional e Tecnológica e da oferta de cursos de formação inicial e continuada para trabalhadores de acordo com os arranjos produtivos rurais de cada região.

AGU entra com pedido para impedir extinção de Parque do Cristalino após empresa alegar que tem terrenos na área em MT

access_time22/05/2024 13:06

A Advocacia-Geral da União (AGU) entrou com um pedido de anulação do processo de extinção do Parque Estadual do Cristalino II, localizado entre Novo Mundo e Alta Floresta, a 791 km e 800 km de Cuiabá, respectivamente. O pedido foi apresentado após a empresa, autora da ação que extinguiu o parque, alegar que possui terrenos na área. O argumento da AGU é que a empresa tem títulos fraudulentos de propriedades supostamente emitidos pelo Instituto de Terras de Mato Grosso (Intermat), quando a área pertencia à União. Só depois ela foi doada ao estado. Em 2022, o Tribunal de Justiça de Mato Grosso (TJMT) aceitou o pedido de anulação da criação do parque. Na decisão, foi apontado ausência de recursos processuais por parte do Governo de Mato Grosso, que perdeu os prazos para recorrer. Essa é a segunda vez que a Justiça decide pela anulação da criação do parque, aceitando os argumentos da empresa. Ainda cabe recurso do Governo do estado, além de saber quais medidas serão tomadas pelo poder público. Segundo a Secretaria de Meio Ambiente, enquanto a discussão jurídica continua, a área continua sendo fiscalizada como unidade de conservação. A TV Centro América tentou contato com o advogado da empresa, mas não obteve retorno até a última atualização desta reportagem. Entenda o caso Em 2011, a Sociedade Comercial e Agropecuária Triângulo LTDA entrou com uma ação na Vara Especializada do Meio Ambiente de Cuiabá, pedindo a anulação do decreto estadual que criou a Unidade de Conservação do Parque Estadual Cristalino II, abrangendo 108 mil hectares de terras. A empresa argumentou que a criação do parque teria afetado três terrenos, que pertence à ela, e que possui a titularidade registrada no Cartório de Registros Imobiliários de Guarantã do Norte, município a 771 km de Cuiabá. Outro argumento usado pela empresa é que a criação do parque não seguiu a lei, já que não foram realizados estudos técnicos e consulta pública antes da publicação do decreto que instituiu a Unidade de Conservação. Na ocasião, o juiz da Vara Especializada do Meio Ambiente julgou extinto o processo sem resolução. Inconformada com a decisão, a empresa entrou com recurso, que foi reconhecido pela Segunda Câmara de Direito Público e Coletivo que, por maioria, aceitou o pedido. Discussão na ALMT Nesta segunda-feira (20), foi realizada uma audiência pública na Assembleia Legislativa de Mato Grosso (ALMT). O principal objetivo foi discutir a postura do estado em relação a defesa do parque. O deputado estadual Lúdio Cabral (PT) disse que o estado foi omisso ao perder os prazos. "Foi inerte, o que resultou em uma decisão do judiciário induzido ao erro em uma ação privada", disse. O estado foi representado pela Procuradoria-Geral do Estado (PGE) e pela Secretaria de Meio Ambiente (Sema-MT). O sub procurador geral de defesa do Meio Ambiente, Davi Maia Castelo Branco Ferreira disse que faltaram argumentos pra recorrer e que agora estuda como manter o parque. "A base de defesa do estado, que era a prescrição, caiu no Superior Tribunal de Justiça (STJ). Não vemos como um caso encerrado, mas um caso em análise e, que diante de todas as soluções possíveis, vamos verificar qual que é a mais viável", disse. O secretário executivo de Meio Ambiente da Sema-MT, Alex Marega, disse que estuda outras alternativas como mudar o perímetro do parque. "É uma área importante e estamos estudando, caso não haja a possibilidade de revertermos essa decisão, caso a procuradoria decida que a melhor forma seria reiniciar o processo, a Sema tem condições de fazer todo o procedimento necessário para propor ao governo uma alternativa a manter ou mudar o perímetro, fazer algum tipo de alternativa para que a gente possa aproveitar essa unidade de conservação", disse. O Ministério Publico de Mato Grosso (MPMT) informou que vai recorrer. O prazo termina no dia 21 de junho. Para a consultora jurídica, Edilene Fernandes, o estado tem muitos elementos legais para pedir a revisão da decisão. "A área destinada para o estado tem como uma das cláusulas condicionantes, a conservação. Então o que não falta são argumentos jurídicos e técnicos", disse. O parque O Parque Estadual Cristalino II está localizado entre o Rio Teles Pires e a divisa com o Pará, no qual abrange os municípios de Novo Mundo e Alta Floresta. Localizado em zona de vegetação, que transita entre savana e floresta amazônica, possui nascentes de águas puras e grande variedade de espécies da flora e da fauna de grande porte. Por essa razão, o local é considerado uma área prioritária na conservação da Amazônia. O parque é um dos mais ricos em biodiversidade, com dezenas de espécies endêmicas. Junto com o Parque Estadual Cristalino I, totaliza 184,9 mil hectares. De acordo com o coordenador de projetos da Fundação Ecológica Cristalino, Lucas Eduardo Araújo Silva, a preocupação é que tudo isso corre risco com a possibilidade de extinção do parque. "Nós temos mais de 600 espécies de aves, mais de 1,4 mil espécies de plantas. São 900 espécies de borboletas, apenas no estado. Na região do Parque Estadual, são 1.010 espécies, então é uma biodiversidade rica, e dentro dessa biodiversidade a gente também tem espécies ameaçadas de extinção", disse.

Construção da maior ponte de MT valoriza imóveis e atrai investidores para Nova Bandeirantes

access_time22/05/2024 12:50

A maior ponte de Mato Grosso que está sendo construída pelo Governo do Estado vai reduzir os custos de transporte para quem tem somente a balsa como meio de transporte terrestre para cruzar o Rio Juruena, entre Nova Bandeirantes e Cotriguaçu, e desenvolver economicamente a região. A melhoria na logística já está atraindo novos investidores, conforme o prefeito de Nova Bandeirantes, César Augusto Périgo.  “A ponte para nós vai ser a redenção da região. Já é um divisor de águas para o investidor, porque vai encurtar caminho. Estão chegando as traddings, investimentos em armazéns, lavouras. Estão previstos mais dois armazéns, com investimento de mais de 100 milhões de reais. Vamos agora para 30 mil hectares de lavoura esse ano”, afirmou.  Com investimento estadual de R$ 252,8 milhões, a ponte de 1.360 metros, na MT-208, começou a ser construída pela Secretaria Estadual de Infraestrutura e Logística (Sinfra) em abril de 2023 e a previsão é que seja entregue em 2026. Segundo o prefeito, atualmente, os motoristas pagam valores que variam de R$ 120 a R$ 450 por veículo, dependendo do porte, para atravessar de balsa. “Além de ser demorado, é caro. Hoje para um caminhão passar custa quase 400 reais. Então, hoje é economicamente inviável para uma empresa investir em soja e gado. De balsa é muito sacrifício, demora e, dependendo do horário que chegar, já não tem mais balsa”, afirmou. A balsa faz seis travessias diárias entre Nova Bandeirantes e Cotriguaçu, sendo três para cada destino. Em média, 90 veículos atravessam por dia pelo local.  A ponte vai interligar as regiões norte e nordeste do Estado.  Com base nessa prospecção de melhoria na logística, as terras na região já valorizaram.  “Para nós, já é uma nova história, uma área que valia em torno de R$ 30 mil reais o hectare, hoje vale R$ 150 mil o hectare”, declarou.  No trajeto da ponte, o Governo do Estado também está construindo outras três pontes, com 50, 30 e 15 metros de comprimento e o asfaltamento de 59 km da MT-208, ligando os municípios da região.

Mato Grosso se mantém como maior produtor de grãos do país em 2024

access_time15/05/2024 11:25

Mato Grosso se mantém como pilar na produção agrícola nacional e deve alcançar 85,7 milhões de toneladas, mesmo com a redução de 15% em relação à safra recorde registrada em 2023. As informações são do 8º Levantamento da Safra de Grãos 2023/2024, divulgado nesta terça-feira (14.05) pela Companhia Nacional de Abastecimento (Conab).   A produção do Estado é equivalente à produção inteira dos três estados do sul do país, que devem colher 85,6 milhões de toneladas.   No caso da soja, cuja colheita encerrou no fim de abril, Mato Grosso deve colher 38,4 milhões de toneladas, 15,8% menor do que na safra passada, que alcançou 45,6 milhões toneladas da oleaginosa. A área plantada aumentou em torno de 100 mil hectares, atingindo 12,1 milhões de hectares plantadas nesta temporada. “É importante ressaltar que mesmo com essa redução na produção, Mato Grosso continuará contribuindo significativamente para o cenário global. Superando assim, a soma das safras combinadas de importantes países produtores como a Bolívia, Ucrânia, Rússia, Canadá e Paraguai juntos, ou ainda, mais que a Índia e China juntos. Desse modo, o Estado consolida-se como o 4º maior produtor de soja do mundo”, apontou o coordenador do Centro de Dados Econômicos de Mato Grosso (DataHub), da Secretaria de Estado de Desenvolvimento Econômico (Sedec), Vinicius Hideki.   A produção de Mato Grosso é 1,16 vezes maior do que a soma das produções da Bolívia, Ucrânia, Rússia, Canadá e Paraguai juntos. Além disso, é 1,20 vezes maior do que a produção combinada da China e Índia. Conforme Vinicius, esses números destacam não apenas a resiliência e a capacidade produtiva de Mato Grosso, mas também sua relevância no contexto agrícola internacional, alimentando a população mundial e impulsionando a economia global com seu trabalho intenso nos campos férteis do Cerrado brasileiro. No caso do milho, as lavouras vêm apresentando ótimo vigor em seu desenvolvimento. A regularidade das precipitações tem fortalecido as expectativas de uma boa produtividade. A maioria das lavouras está na fase reprodutiva, especialmente floração. Contudo, a produção deve ser 17,2% menor atingindo 42,4 milhões de toneladas. Muitos produtores optaram em produzir o algodão (pluma e caroço) como segunda safra e a área plantada cresceu 18,6% e atingiu 1,4 milhões de hectares. A produção também deve ser maior do que na safra passada em 17,2%, alcançando o total de 6,3 milhões de toneladas, equivalente a 71% da produção nacional de algodão. Efeitos do Rio Grande do Sul A estimativa da Conab para a produção brasileira nesta temporada está em 295,45 milhões de toneladas de grãos. No entanto, as fortes chuvas registradas no Rio Grande do Sul trarão impactos para o resultado final do atual ciclo. “Não é possível ainda ter precisão nas perdas para o setor no estado. Os níveis de água estão elevados e o acesso às propriedades é difícil, impossibilitando que se faça uma avaliação mais detalhada. E vale ressaltar que neste primeiro momento a preocupação é com as vidas e com a garantia do abastecimento, fazer com que as pessoas atingidas pelas chuvas tenham o direito ao básico, como a alimentação”, reforça o presidente da Companhia, Edegar Pretto.

Canal de atendimento da Sefaz possibilita esclarecer dúvidas de forma rápida e eficaz

access_time15/05/2024 09:54

O fórum da Secretaria de Fazenda de Mato Grosso (Sefaz-MT), criado e gerido pela Superintendência de Atendimento ao Contribuinte (SAC), com objetivo de facilitar a troca de informações entre Secretaria, contribuintes e contabilistas, já conta com mais de três mil membros e uma média semanal de 22 mil acessos. A plataforma, criada em 2023, é totalmente online e gratuita e funciona por meio de tópicos nos quais são colocadas dúvidas relacionadas à tributação, legislação e procedimentos fiscais. As dúvidas são esclarecidas por uma equipe do atendimento da Sefaz ou por outros usuários, gerando a interação, debate e troca de conhecimentos. De acordo com o superintendente de Atendimento ao Contribuinte, Rafael Vieira, o fórum surgiu com o propósito de aprimorar e agilizar o atendimento online existente. Nele, o contribuinte formalizava uma dúvida via sistema fazendário, que ainda passava por uma triagem antes de ser encaminhada a um analista para resposta, o que levava de seis a sete dias. Com a implantação do fórum, o número de registros de atendimentos via sistema reduziu pela metade. Além disso, a informação chega ao contribuinte de forma mais célere e mantendo a eficiência e eficácia. “Como resultado da adesão à ferramenta, tivemos uma redução nos últimos seis meses de 50 a 60% nos números de tickets abertos, ou seja, caíram pela metade. Desde então, recebemos muitos feedbacks de agradecimentos dos contribuintes”, afirma Vieira. O fórum também resultou na redução do número de servidores envolvidos nas respostas aos contribuintes, indo de 34 atendes para 13. Isso possibilitou a oferta de novos serviços, como o atendimento virtual por meio do Google Meet para contadores e contabilistas. É importante ressaltar que a plataforma é mantida e gerenciada por servidores da Sefaz, garantindo, assim, a confiabilidade das informações e o sigilo fiscal do contribuinte. Para isso, todos os atendentes passaram por um treinamento. Para acessar o fórum, basta que a pessoa utilize um navegador de internet e busque pelo termo “Fórum Sefaz MT” ou acesse o site da Secretaria. Além dele, a Sefaz mantém outros canais de atendimento ao contribuinte, online, telefônico e presencial, que podem ser acessados pelo site www.sefaz.mt.gov.br, na opção Contato e, em seguida, Fale Conosco.

Ucrânia impõe apagões em todas as regiões devido à ofensiva da Rússia

access_time14/05/2024 18:48

A Ucrânia decretou nesta terça-feira (14) apagões elétricos em todas as regiões devido aos danos causados pelos bombardeios russos, que impedem que o sistema suporte a queda das temperaturas, informou a operadora estatal Ukrenergo. “Das 21h às 24h, a Ukrenergo foi forçada a impor apagões de emergência controlados em todas as regiões da Ucrânia. O motivo é a escassez de eletricidade no sistema devido aos bombardeios russos e o aumento do consumo devido ao frio”, indicou a operadora em publicação no Telegram. A Rússia lançou na última sexta-feira uma ofensiva surpresa contra Kharkiv, no nordeste ucraniano, perto da fronteira. A Rússia bombardeia há meses a rede energética da Ucrânia, causando danos materiais significativos e cortes de eletricidade. Na capital Kiev, a administração municipal disse que 10% das residências estavam desconectadas. Rede energética ucraniana está sendo atacada há meses; em Kiev 10% das residências estavam desconectadas Nesta terça, durante um discurso para estudantes na capital ucraniana, o secretário de Estado americano, Antony Blinken, prometeu que os Estados Unidos vão apoiar a Ucrânia até que esteja “garantida” sua segurança perante a Rússia, enquanto Moscou reivindicou novos avanços em sua ofensiva no nordeste do país vizinho. “Os Estados Unidos estão do seu lado desde o primeiro dia” e “vamos continuar até que a segurança, a soberania e a capacidade da Ucrânia para escolher seu próprio caminho estejam garantidas”, disse Blinken. Zelensky exortou o Ocidente a acelerar a entrega de armas frente à nova ofensiva russa. “Precisamos de uma aceleração notável das entregas. Já passou tempo demais entre o anúncio dos pacotes [de ajuda] e a entrega real de armas na linha de frente”, lamentou na noite desta terça-feira, após reunir-se com Blinken. A ofensiva surpresa russa na província de Kharkiv, perto da fronteira com a Rússia e cuja capital homônima é a segunda cidade da Ucrânia, obrigou milhares de pessoas a deixarem o local. Um bombardeio russo deixou 20 feridos nesta terça na cidade de Kharkiv, que tinha cerca de um milhão e meio de habitantes antes do início da invasão russa na Ucrânia, em fevereiro de 2022. O Exército russo assegurou, nesta terça, que continua “avançando rumo às defesas” ucranianas e reivindicou a tomada de um novo povoado perto da fronteira e da cidade de Vovchansk. *com informações da AFP