anuncie aqui 596-81
Notícias recentes
Corpos de mãe e filhos são encontrados abraçados após desabamento

Corpos de mãe e filhos são encontrados abraçados após desabamento

access_time10/07/2023 06:11

O Corpo de Bombeiros de Pernambuco encontrou as últimas três pessoas que estavam desaparecidas após

STF anula apreensão de quase 700 quilos de cocaína

STF anula apreensão de quase 700 quilos de cocaína

access_time07/06/2023 10:13

A 2ª Turma do Supremo Tribunal Federal (STF) acatou recurso de um réu e invalidou a apreensão de cer

Santos anuncia retorno do técnico Fábio Carille; veja detalhes

Santos anuncia retorno do técnico Fábio Carille; veja detalhes

access_time19/12/2023 16:01

O Santos anunciou quem será seu treinador para a temporada 2024. Trata-se do técnico Fábio Carille,

STF manda soltar mais 130 denunciados pelos atos de 8 de janeiro; 392 pessoas ainda estão presas
Manifestantes invadiram e depredaram prédios dos Três Poderes em Brasília, no dia 8 de janeiro de 2023

STF manda soltar mais 130 denunciados pelos atos de 8 de janeiro; 392 pessoas ainda estão presas

Ministro Alexandre de Moraes entendeu que envolvidos não representam risco processual ou à sociedade e podem responder em liberdade

access_time13/03/2023 11:09

O ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF), concedeu liberdade provisória a mais 130 homens denunciados por envolvimento nos atos de 8 de janeiro, em Brasília. Eles são acusados por crimes como incitação ao crime e associação criminosa. Moraes considerou que os envolvidos não representam mais risco processual ou à sociedade neste momento, podendo responder ao processo em liberdade. No entanto, eles terão que cumprir as medidas cautelares aplicadas, o que inclui o uso de tornozeleira eletrônica; recolhimento domiciliar no período noturno e nos finais de semana; apresentação semanal ao juízo da comarca de origem; cancelamento de todos os passaportes; e suspensão de porte de arma de fogo. Além disso, os acusados também estão proibidos de deixar o país e de usar as redes sociais. Eles também não podem ter contato com outros denunciados.

Nas últimas semanas o ministro proferiu algumas decisões para liberação de grupos de denunciados. Na sexta-feira, 10, por exemplo, 80 homens foram soltos. Já na última quarta-feira, 8, Dia Internacional da Mulher, 149 presas também receberam o benefício da liberdade provisória. Em todos os casos, os envolvidos são submetidos a medidas cautelas, como a tornozeleira eletrônica e a proibição de deixar o país. Em 9 de janeiro, um dia após a invasão e depredação dos prédios públicos, a Polícia Federal prendeu em flagrante 2.151 pessoas que haviam participado dos atos e estavam acampadas diante dos quartéis. Ao todo, apenas 392 pessoas permanecem presas, sendo 310 homens e 82 mulheres.





Por: Jovem Pan

Outras notícias

Comentários